Início > Cosmologia, Filosofia da Ciência, Metafísica, Snowball > Deus, Tempo e a Criação

Deus, Tempo e a Criação

Tradução: Snowball

Dr. Craig, você parece defender que Deus exista fora do tempo quando não há universo [Deus (a)] e dentro do tempo quando há um universo [Deus (b)]. Minha questão é: qual dos dois criou o Universo?

Deus (a) não pode criar o universo porque um ser atemporal não “criar” [“criar” é uma ação temporal].

Deus (b) não pode criar o universo porque um ser que exista no tempo não pode criar o tempo no qual Ele existe.

Blake


Resposta do Dr. Craig:

Eu me pergunto se você percebeu, Blake, que você acabou de apresentar um argumento que diz que o Cristianismo é incoerente ao dizer que Deus criou o Universo? Deus pode ser temporal ou atemporal, e, de acordo com o seu argumento, criação não faz sentido em nenhuma das alternativas! Isso é realmente bastante para a doutrina da criação.

O problema de Deus, tempo e criação é um complicado, e eu vim a propôr a visão que defendo em God, Time, and Eternity (Kluwer, 2001) e em Time and Eternity (Crossway, 2001) precisamente para resolver esse enigma.

Primeiro vamos lidar com a visão que eu proponho. Ao descrever minha posição como “Deus existe fora do tempo quando não há Universo e e dentro do tempo quando há um universo”, seu uso da palavra “quando” pode levar a um desentendimento. Se tomada literalmente, isso implicaria que havia tempo antes da criação do Universo. Eu penso que o tempo começou com o primeiro evento, o qual eu tomo para ser a primeira ação criativa de Deus. Então eu prefiro afirmar minha da seguinte maneira: Deus é atemporal sem o Universo e temporal com o Universo.

A razão pela qual eu defendo que Deus é atemporal sem o Universo é porque penso que um infinito regresso de eventos é impossível e, de acordo com a teoria relacional do tempo, na falta de quaisquers eventos o tempo não existiria. A razão pela qual eu defendo que Deus é temporal desde o início do Universo é que a crição do Universo traz Deus a uma nova relação, isto é, co-existindo com o Universo, e tal mudança extrínseca sozinha (sem mencionar Deus usando de seu poder causal) é suficiente para uma relação temporal.

E, é claro, isso não leva a dizer que Deus (a) e Deus (b) são dois “Deus”, mas uma única entidade descrita em dois diferentes estados.

Então vamos considerar primeiro a segunda parte do seu dilema: “Deus (b) não pode criar o universo porque um ser que exista no tempo não pode criar o tempo no qual Ele existe.” Um argumento similar para a atemporalidade divina foi oferecida pelo filósofo da Universidade de Oxford Brian Leftow, então você está em boa companhia! Mas na minha opinião, entretanto, essa assertiva é falsa (veja God, Time, and Eternity, pgs. 19-23). Leftow pensa que se Deus é contingentemente temporal, Ele não pode criar em um tempo t criar t porque sua ação em t depende da existência de t: a existência de t é explicativamente anterior à ação de Deus em t. Eu não concordo. Numa teoria relacional do tempo, tempo é logicamente posterior à ocorrência de algum evento. Então em uma teoria relacional do tempo, a ação de Deus é explicativamente anterior à existência do tempo. Tudo que Deus tem que fazer é agir e o tempo é gerado como um consequência. Deus pode tanto criar t como existir em t.

Agora considere a primeira parte do seu dilema: “Deus (a) não pode criar o universo porque um ser atemporal não “criar” [“criar” é uma ação temporal].” Como os filósofos medievais bem apontaram, nós devemos distinguir dois sentidos bem diferentes para essa afirmação:

1. Não-possivelmente (Deus é atemporal & Deus cria o Universo), e
1.’ Deus é atemporal & não-possivelmente (Deus cria o Universo)

A ambiguidade na primeira parte do seu dilema é como a ambiguidade na sentença “Não é possível para a Casa Branca ser marrom”- nós queremos dizer que “Não é possível para a Casa Branca ser branca e também ser marrom” ou que “Não é possível para a Casa Branca vir a ser marrom”? Emtender no sentido da primeira sentença é verdadeira, mas entender no sentido da segunda é falso.

Então pense sobre (1). Pensar se é possível para Deus ser atemporal e juntamente criar o Universo vai depender, estou convencido disso, da sua teoria do tempo. De acordo com a normalmente chamada Teoria-A do tempo, tornar-se temporal é uma característica real e objetiva do mundo, e as coisas vem e vão em ser. Mas em uma Teoria-B do tempo ou em uma teoria “tenseless”, todos os eventos e momentos são igualmente reais, e tornar-se temporal é uma ilusão da consciência humana. Agora em uma Teoria-B do tempo eu penso que é facil ver como Deus criou o Universo no sentido de que o Universo contingetemente depende de Deus para a sua existência. Toda variedade de quatro-dimensões de espaço e tempo apenas existem em bloco nessa visão, e Deus existe “fora” do bloco e sustenta sua existência. Nessa visão criar não é necessariamente uma ação temporal; Deus poderia criar atemporalmente. Então (1) é falso.

Por outro lado, se você adota uma teoria-A do tempo, e eu estou fortemente inclinado a aceitar, então (1) é verdadeiro. Então no primeiro momento de sua existência o universo passa a existir. A relação causal de Deus com esse evento será nova nesse momento, e então Deus deve ser temporal nesse momento. Nessa visão criar verdadeiramente é, como você diz, uma ação temporal e logo em criando o Universo Deus deve ser temporal. Então em uma Teoria-A, (1) parece ser verdadeiro.

Mas e que tal (1’) em uma Teoria-A do tempo? Se Deus é a atemporal, ele é incapaz de criar o Univeso? Ele está de alguma maneira aprisionado na sua atemporalidade, congelado em imobilidade? Eu não vejo razão para pensar que sim. A afirmação de que, se Deus é atemporal, é impossível para ele criar o Universo é baseada no pressuposto que a atemporalidade é uma propriedade essencial, ao invés de contingente, de Deus. Mas como no caso da cor da casa, eu não vejo razão para que Deus ser temporal ou atemporal ser uma característica contingente, dependendo de Sua vontade. Existindo atemporal sozinho sem o Universo, Ele poderia “segurar-se” de criar o Universo e continuar atemporal; ou Ele poderia querer criar o Universo e passar a ser temporal no seu primeiro exercício de poder causal. Isso depende Dele.

Então na visão que eu proponho, Deus existe atemporalmente sem o Universo com uma intenção atemporal de criar um Universo com um início. Ele exercita Seu poder causal, e como resultado o tempo passa à existência, junto com o primeiro estado do Universo, e Deus livremente entra no tempo. Tudo isso acontece co-incidentalmente, isto é, tudo junto de uma vez. Essa é, como eu vejo, uma solução quebra-cabeça, mas me parece mais plausível que as alternativas.

Anúncios
  1. janeiro 15, 2011 às 2:22 pm

    Eu achei o artigo muito interessante. Inclusive o livro O Alfa e o Ômega tem abalado o Brasil inteiro com o tema polêmico: Os limites do entendimento humano. A fronteira entre a ciência e a fé. Eu recomendo ver a fantástica entrevista com os autores pastora Esmeralda Campelo e o pastor Antônio Peters
    Parte 1

    Parte 2

    Ou visite o site: http://www.alfa-e-omega.com
    Abraço

  2. José Junior
    março 6, 2011 às 2:47 am

    Gostei do tema discutido no atigo assima! Vejo a questão de um Deus a-temporal e temporal no seguinte ambito: Deus é a-temporal e a partir do ato da criação (causa) do nada, o tempo passou a existir como sendo o efeito (consequência) da causa. Antas da criação Deus é um Ser a-temporal depois da criação ele é um Ser coexistente ao tempo e ainda a-temporal e nao um Deus temporal, pois tempo (Medida de duração dos seres sujeitos à mudança da sua substância ou a mudanças acidentais e sucessivas da sua natureza, apreciáveis pelos sentidos orgânicos.) implica em continua mudança dos seres sujeitos a ele e Deus é imutavel, nao podendo ser um Deus condicionado ao tempo. Concluindo Deus é um Ser a-temporal coexistente ao tempo!
    obrigado pela oportunidade de poder participar deste asunto

  1. dezembro 31, 2010 às 5:25 pm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: